Gilmar Mendes no Roda Viva detona a imprensa lavajatista

o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, Em entrevista ao programa “Roda Viva”, da TV Cultura, na noite desta segunda-feira (7), afirmou que as mensagens reveladas pela série Vaza Jato, do The Intercept Brasil, podem ser usadas para inocentar o ex-presidente Lula.

Gilmar explicou que juridicamente provas ilícitas podem ser usadas não para condenar, mas para absolver. “Afirmada a suspeição, podemos usar essa prova? Prova ilícita é utilizável em favor de alguém? O tribunal tem dito que sim. Não para condenar, mas para absolver. Isso é um debate que vamos ter”, pontuou.

O ministro considera que o adiamento da votação das Adcs ( foi engavetado pela ministra Cármen Lúcia, quando ela ocupava a presidência do STF) foi um erro.

Lavajatismo militante de certos jornalistas…….

Gilmar critica a imprensa que só defende a Lava Jato e se omite nas críticas.

Vocês assumiram o lavajatismo militante”, disse. De acordo com o magistrado, “quando a Lava Jato acerta, tem que ser dito que ela acerta. Quando erra, tem que ser dito que erra”, afirmou, antes de ir além na crítica à imprensa: “Vocês criaram falsos heróis”.

Deixe uma resposta