QUEM FEZ O VAZAMENTO PARA A REVISTA?

“Comprovou-se que o documento sigiloso citado na matéria realmente existe, apesar de não corresponder à verdade o fato que teria sido enviado anteriormente à PGR para investigação. Na matéria jornalística, ou seus autores anteciparam o que seria feito pelo MPF do
Paraná, em verdadeiro exercício de futurologia, ou induziram a conduta posterior do Parquet; tudo, porém, em relação a um documento sigiloso somente acessível às partes no processo, que acabou sendo irregularmente divulgado e merecerá a regular investigação dessa ilicitude.”

Ministro Alexandre de Moraes

 

O QUE OCORREU NO CASO DOS ANTAGONISTA FOI VAZAMENTO DE PROCESSO E CRIME.
PERGUNTO: SE A ACUSAÇÃO DO DELATOR FOI INSERIDA E RETIRADA DOS AUTOS PELO JUIZ ( POR NÃO EXISTIR FUNDAMENTO, PROVAS OU INDÍCIOS DE CRIME)

SE O PROCESSO CHEGOU AO PGR SEM A CITAÇÃO ( CONFORME AFIRMOU A PROCURADORA RAQUEL DODGE EM NOTA OFICIAL.

COMO OS ANTAGONISTAS TIVERAM ACESSO AOS AUTOS, PARA SABER O QUE O DELATOR DISSE E QUE FOI RETIRADO PELO JUIZ?

VAZAMENTO SELETIVO. PARA DESMORALIZAR O STF?

PARA OS LEITORES DA REVISTA, TOFFOLI ESTAVA SENDO INVESTIGADO, ACUSADO DE UM CRIME.

NA VERDADE, ELE NÃO FOI ACUSADO DE NADA, NÃO ESTAVA SENDO INVESTIGADO E NÃO COMETEU CRIME ALGUM. APENAS CITADO PELO DELATOR,COMO “AMIGO, DO AMIGO DO AMIGO”.( E NA ÉPOCA DO FATO CITADO, ELE NÃO ERA MINISTRO)

OS QUE DESEJAM DESMORALIZAR O STF QUEREM A DEMOCRACIA ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.