Empresário da Riachuelo e Rodrigo Maia dá um “choque” de realidade para o Bozo

Bolsonaro não governa para o país. Ele governa para seu egocentrismo, exibicionismo, vitimismo e vaidade. É o governo do twitter.
Bolsonaro quer colocar a população contra a imprensa e tentou colocar a população contra o Congresso.
Hoje ele sabe que depende do Congresso para poder governar.
E muitos dos seus eleitores despertaram para suas maluquices. A encenação teatral da Campanha eleitoral continua;
Ele ainda está em Campanha.

“É preciso trocar o chip da campanha, de arricamento, do inimigo comum, para o chip de governar e em torno de um propósito comum, e esse propósito maior é a nova Previdência” Empresário Flávio Rocha – Apoiou a Campanha de Bolsonaro.

Leia o que disse o presidente da Câmara, Rodrigo Maia:

“Abalados estão os brasileiros, que estão esperando desde 1º de janeiro que o governo comece a funcionar. São 12 milhões de desempregados, 15 milhões de brasileiros vivendo abaixo da linha de pobreza, capacidade de investimento do Estado brasileiro diminuindo, 60 mil homicídios e o presidente brincando de presidir o Brasil”, disse Rodrigo Maia.
“Eu acho que está na hora de a gente parar com esse tipo de brincadeira, está na hora de ele sentar na cadeira dele, do parlamento sentar aqui, e a gente em conjunto resolver os problemas do Brasil. Não dá mais para a gente perder tempo com coisas secundárias”, acrescentou o presidente da Câmara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.